segunda-feira, 23 de abril de 2007

"Eu vou tentar captar o instante já,
Que de tão fugitivo não é mais,
Porque já tornou-se um novo instante.
Cada coisa tem um instante em que ela é.
Eu quero apossar-me do é da coisa.
Eu tenho um pouco de medo.
Medo ainda de me entregar,
Pois o próximo instante é desconhecido..."

[Clarice Lispector]

4 comentários:

  1. Ronaldo Thöneböhn4/5/07 10:16

    Cara, que coincidência!!! Usei esse poema da Clarisse também no meu perfil do Orkut...adoro!!!
    Lembro de tê-lo ouvido pela primeira vez com Maria Bethânia no show "Pássaro Proibido" nos idos de 1974, creio.

    ResponderExcluir
  2. Clarice Lispector conseguia expressar o que nos vai por dentro.

    ResponderExcluir
  3. Ha anos que procuro por esse poema!!! Eu também o conhecia pela voz da Maria Bethania. Uhhhhhh Uuuuuuu

    ResponderExcluir