domingo, 4 de fevereiro de 2007

MENTIRA AUTO-SUSTENTÁVEL

às vezes, a luz da verdade é tão intensa,
que sua força nos cega o coração
e faz com que o pranto brote.
dizem que a verdade dói...
esta é a mais pura verdade!
e a dor é ainda maior para aqueles
que descobrem que todas as preces feitas antes de adormecer
eram, em suma, ilusões enfeitadas em versos.
é triste descobrir que tais preces nunca foram atendidas,
e, talvez, nem sequer ouvidas.
o desgosto de desvendar mentiras em meio a palavras
que escaparam da boca sem intenção alguma
hoje, chicoteia meu peito em carne viva
e me coloca de volta no papel de andarilho solitário
à procura de uma mentira auto-sustentável.
verdade ou mentira, a verdade é nada mais
do que uma mentira na qual queremos acreditar.
verdade ou mentira?

3 comentários:

  1. Cara, muito legal as coisas que escreve... Aliás, legal não, legal é coisa de criança, é inteligente suas proclamações escritas. Sabe, também gosto muito de escrever, é um vício. Seu raciocínio é sensato, o que escreve é facilmente identificado como coisa do coração mesmo.
    Gostei muito!!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Oi Fabricio, gostei muito do seu texto.
    Mas o que leva você a acreditar que ele foi espancado justamente por ser gay? Se ele é professor de uma Universidade, poderia ter outros motivos pra isso, uma revolta de um aluno, uma nota baixa, ou qualquer outra coisa que se passa na cabeça de alunos jovens sem sentimento pelo próximo.
    Existe muita gente vingativa nesse mundo, não generalizando só os mais pobres ou menos desprovidos de cultura e informação. Isso inclui todos.
    Sei lá, foi só uma opinião, possa ser que seja só raiva por ele ser gay, mas talvez não seja isso.
    Desculpe qualquer coisa, abraço, e continue escrevendo assim.

    ResponderExcluir
  3. Esse texto me fez tão bem hj!!!!


    Obrigada!!

    Luz no seu caminho sempreeee!!!!

    Carol
    Ps. Espero q não se importe.

    ResponderExcluir